segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Consultores Versus Fornecedores de Comunicação

Num mercado em franco crescimento e com boas oportunidades de negócio, como o português, é inevitável o aparecimento de um número cada vez maior de novas Agências de Comunicação. É bom para os clientes e é saudável para o mercado.
Convém, no entanto, que todos tenhamos consciência de que, actualmente, em Portugal, o mercado das Relações Públicas e comunicação é disputado por dois tipos de ‘peões’ muito distintos: os Consultores de Comunicação e os Fornecedores de Comunicação. E o serviço que cada um presta aos seus clientes é bem distinto. Senão vejamos:
O Consultor de Comunicação investiga, analisa, aconselha, decide, cria, planifica, desenvolve e avalia os resultados de uma acção. O Fornecedor de comunicação apenas a executa.
O Consultor define estratégias, o fornecedor aplica tácticas; o consultor trabalha a imagem, o fornecedor comunica-a; o consultor é proactivo, o fornecedor é reactivo.
Finalmente, e porque o seu conhecimento sobre a realidade do cliente é completo e aprofundado, o consultor tem uma capacidade de aconselhamento que o fornecedor não consegue alcançar.

1 comentário:

Blogcentral disse...

Parece uma boa definição...